Newsletter – 12 de Novembro de 2018

Com 146 checagens, Projeto Comprova encerra suas atividades na eleição de 2018

O Projeto Comprova encerrou em 30.out.2018 suas atividades de verificação de conteúdos duvidosos nas redes sociais e WhatsApp. Ao longo de 12 semanas, a coalizão inédita coordenada pela Abraji checou a veracidade das principais informações compartilhadas na internet. Os 24 veículos de comunicação que participaram do projeto checaram ao todo 146 histórias durante os três meses que a iniciativa durou.


STF derruba censura prévia contra Estadão

Na última quinta-feira (8.nov.2018), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski derrubou a censura imposta ao jornal O Estado de S.Paulo há nove anos pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal. Desde 2009, o jornal estava impedido de publicar informações sobre a operação da Polícia Federal Boi Barrica, em que o empresário Fernando Sarney, filho do ex-presidente José Sarney, era investigado.

Projeto financia adoção de modelo de negócio

O Membership Puzzle Project lançou em 18.out.2018 um fundo de 700 mil dólares voltado para o financiamento de iniciativas jornalísticas que utilizem ou queiram utilizar o modelo de “membership” (modelo de assinaturas em que a audiência se torna associada do veículo). Meios dedicados à cobertura local, nacional (e com alcance mais amplo) ou focada em tópicos específicos/nichos podem se candidatar.

Mural arrecada fundos para reportagem em HQ

A Agência Mural de Jornalismo nas Periferias abriu uma campanha de financiamento coletivo para custear a impressão do “Minas da Várzea”, seu primeiro livro-reportagem em quadrinhos. A meta de arrecadação é de R$ 18.500 até 26/11 e a produção será lançada em dezembro, na Comic Con. As recompensas para quem doar variam de acordo com o valor.

Seguranças da CPTM agridem e ameaçam jornalistas em SP

Na manhã da última terça-feira (6.nov.2018), uma equipe da TV Globo de São Paulo foi agredida, ameaçada e teve um de seus equipamentos retirado à força por seguranças da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos). A repórter Cinthia Toledo e o repórter cinematográfico Luiz Fernando Castiglioni registravam depoimentos de passageiros prejudicados por uma falha em um dos trens da Linha 7-Rubi quando os agentes tentaram impedir seu trabalho. A Abraji repudia a agressão e a ameaça. A violência contra jornalistas em função do exercício da profissão atenta contra o direito à informação.

Evento em SP traz debate sobre liberdade de expressão

O Instituto Palavra Aberta e o Observatório de Comunicação, Liberdade de Expressão e Censura (Obcom) promovem no dia 21.nov.2018 o debate “Pós-tudo e crise da democracia”, com a advogada Taís Gasparian e o professor e jornalista Eugênio Bucci. O evento marca o lançamento do livro de mesmo nome e será realizado no Auditório Lupe Cotrim da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP, às 19h30. A entrada é gratuita e aberta ao público. Os especialistas debaterão a liberdade de expressão no contexto de tendência a visões extremadas de ideias e de radicalidades.
Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *